Inteligência de Mercado
Mercado Imobiliário
Direito Imobiliário
Economia e Finanças

Técnicas avançadas para aumentar sua carteira!

Técnicas avançadas para aumentar sua carteira!

Quem trabalha no mercado imobiliário sabe que o imóvel se vende sozinho melhor do que qualquer corretor. Sabemos que é triste, mas verdadeira a história de que você pode ficar meses atendendo um cliente, visitando casas, andando pelo bairro, e mesmo assim, pode ser que ele compre com uma outra imobiliária simplesmente por que gostou mais do imóvel que o parceiro tem!

Quem nunca, não é?

Pois esse problema deve ser revolvido de maneira técnica!

Basicamente, nós do mercado imobiliário sabemos que o foco é termos o maior número de imóveis possível disponíveis para comercialização. Só dessa maneira poderemos ter as melhores ofertas, as chamadas Galinhas Mortas e as oportunidades certas que nossos clientes tanto desejam.

Mas sabemos que isso é um tanto quanto complicado de se alcançar, correto?

Nem tanto… acompanhe nossas saídas:

A teoria atual, defende que a captação ativa de imóveis é um dos principais motores de crescimento da imobiliária. Isto tanto é verdade que atualmente uma das métricas utilizadas para se mensurar o tamanho de uma imobiliária é justamente o tamanho da carteira de anúncios.

Para aumentar a carteira temos duas opções práticas e eficazes:

1 – Comprar a carteira já estabelecida de uma imobiliária: procurar por parceiros que estão desistindo do negócio, se aposentando ou simplesmente não pretendem mais administrar a imobiliária e topam fazer negócio, abrindo mão do que já construíram e vendendo sua empresa.

Esta é uma maneira prática, e se você tem os processos bem desenhados dentro da sua imobiliária, pode obter resultados de maneira bem rápida. Basta absorver a carteira de seu parceiro e começar a trabalhar as vendas e locações da maneira como você já está acostumado.

Mas fazer isso não é tão simples, não é mesmo? Exige um montante de capital alto para investimento e realizar uma fusão e aquisição de empresas é algo bem complexo.

2 – A segunda opção, que é a utilizada por diversas imobiliárias, seria realizar processos de captação ativa: contratar funcionários específicos para isso, promover pagamento de corretagem mais agressivo aos corretores captadores ou deslocar funcionários em determinados dias da semana para ficar na rua captando imóveis.

Essas ações citadas visam captar endereços de imóveis com placas de imobiliárias parceiras. Após isso, deve ser feito um trabalho minucioso para encontrar o proprietário através destas informações levantadas (o qual já discutimos aqui em nosso blog).

Esta saída costuma dar resultados produtivos, mas exige um “trabalho de formiga”, que demora um tempo para maturar, além de um esforço grande do time para trabalho em equipe.

Até hoje, estas eram as melhores, e talvez únicas, opções para que trabalhássemos o aumento da nossa carteira de anúncios. Mas parece que nossos problemas se acabaram.

As empresas MHM, Nórdica e Plugar estão desenvolvendo um banco de dados imenso, em que foram compilados absolutamente todos os dados dos anúncios dos principais portais imobiliários e organizados em um painel em que se resumem as informações de maneiras práticas e de fácil compreensão.

Com os dados organizados e deduplicados (retirando anúncios dobrados, falsos etc), conseguimos encontrar qualquer imóvel, pelo bairro, vila, endereço, nome da rua.

Poxa, se já aprendemos a encontrar o proprietário e temos os endereços de qualquer imóvel da cidade de São Paulo (ou mesmo Brasil), fica fácil achar o que seu cliente deseja, não fica?

Se ficou interessado clique no botão abaixo e deixe seu contato. Nós retornaremos e você vai ver que temos muito mais coisas para te oferecer!!!

Até mais.

Fernando Massucci

Nenhum Comentário

Comente aqui